sexta-feira, setembro 16, 2005

Batendo duro...

Criada sob o rótulo de chapa branca, a CPI do Mensalão deu um duro golpe no Palácio do Planalto ao aprovar a convocação do deputado federal e ex-presidente da Câmara, João Paulo Cunha (PT-SP), e do deputado estadual José Nobre Guimarães (PT-CE), irmão de José Genoíno. A convocação de João Paulo pode deflagrar a maior crise político-empresarial do país, pois será inevitável a convocação de Luiz costa Pinto, o Lulinha, assessor de comunicação do deputado petista, e de representantes da Coca-Cola. Lulinha, João Paulo e a Coca-Cola mantinham um acordo de alcova, cabendo a Luiz Costa pinto a incumbência de defender a gigante dos refrigerantes no Congresso Nacional. E mais: a Coca-Cola era uma dos maiores clientes privados da agência DNA

Fonte: Gazeta do Oeste