sábado, junho 11, 2005

Mentor De Ativistas Nos EU Inferniza Coca-Cola Mundo Afora

Amit Srivastva não tem carro e nem tem casa, mas é ativista social e dirige uma Organização sem fins lucrativos na Califórnia, a qual só tem um empregado - ele mesmo. No entanto, tem força para sacudir uma das maiores corporações do mundo: a Coca-Cola.

Em uma tournée por campi universitários, durante o mes de abril deste ano, fez declarações sobre os crimes da companhia pelo mundo, que conseguiram mobilizar instituições educacionais de todos os Estados Unidos para não renovarem seus contratos de fornecimento com a gigante dos refrigerantes, além de ter interferido como reforço no comportamento de consumo ético na União Européia e ter contribuído fortemente para o fechamento de três fábricas da Coca-Cola na Índia entre outros fatos.

Nos headquarters de Atlanta, sede da Coca-Cola, Srivatsva é reconhecido como mentor da maioria das Organizações Não Governamentais que exigem a modificação da conduta socialmente irresponsável da empresa. Sendo ele também a origem da perda pela companhia de milhões de dólares em suas vendas.

Analistas atribuem sua eficiência política à razão de Srivastava não aceitar mais o diálogo com representantes da Coca-Cola: -"A hora não é mais para se discutir o assunto, o tempo que sobrou temos que aproveitar com ações eficazes", ensina.

Leia mais sobre o fato aqui.