terça-feira, novembro 30, 2004

Causa Mundial


Antigo corretor da bolsa de Nova York planeja criar um fundo de reserva para compensar pessoas e instituições lesadas pela Coca-Cola.

Max Keiser, de 44 anos, "ativista de investimentos", com estilo próprio, se uniu ao filho do empresário James Goldsmith, com o propósito de baixar o valor das ações da Coca-Cola em 12 meses de U$40 (valor atual arredondado) para U$22.

A diferença acumulada entre os valores seria distribuída às "Vítimas da Coca", processo que seria apoiado e auditado pela revista de ecologia de Zack Goldsmith, baseada em Londres. A revista seria também responsável pela logística e outros procedimentos das doações.

fonte:http://www.reuters.co.uk/newsArticle.jhtml?type=oddlyEnoughNews&storyID=6927760§ion=news&src=rss/uk/oddlyEnoughNews